Proteger e solidificar a produção nacional
Empresa de lacticínios, com uma indústria pioneira defensora da produção nacional, a Lactiangol tem no Estado angolano e a Agro Promotora, empresa portuguesa vencedora do concurso internacional para privatização, aberto em 1990/91, no quadro do então programa de redimensionamento empresarial do governo angolano, os seus maiores accionistas. Foram também convidados a participar no seu capital, os trabalhadores e uma quota de investidores privados nacionais. Actualmente, o quadro regista algumas alterações, com o aumento de capital subscrito pelo maior investidor, a Agro Promotora. Embora o processo esteja a espera de oficialização, é ponto assente que as acções detidas pelo Estado, o segundo maior subscritor, não passarão dos 35 por cento, contra os anteriores 40. É a dinâmica empresarial!